27 outubro, 2010

8 - Se ex bom é ex morto, porque a gente não larga o osso?

Como disse o sábio Gabe (posso te chamar assim co-autor?): "Ex bom é ex morto." E concordo mesmo com ele porque quem vive de passado vira estátua de sal. Então, porque é que a gente não larga o bendito osso?

Vários amigos já confessaram seu eterno (ou permanente) problema com ex. Eles dizem que elas são um problema porque mesmo que o namoro tenha acabado, mesmo que ele a tenha chutado, o desejo pela ex tá lá. E piora se ela tá melhor, agora, sem ele. E piora se ela tá com outro. E piora se acha o Outro um idiota. Mas ela....ah, ela é sempre a intocada dele. Ah, e se ele arruma outra e ela não? Ele estufa o peito como um gorila e se encanta por ter um "estepe", novamente A Intocada. Agora o Ego explodiu!!! rsrs Girls, não é a imaginação de vcs! Nunca dê mole para a ex! Ela é sempre um perigo!

Será diferente com Elas? Acho que é mais difícil terminar com 'quases' do que com 'ex'. Não gosto da idéia de metralhar por aí, tô mais pra atiradora de elite. Por isso não gosto de manter esses quases. Mas o problema que nem sempre o coração obedece. E o bom senso tb não!

Mas...

O ex bom é o ex morto: sem comparações, sem o seu fantasma na outra relação, sem mágoas mas com os bons aprendizados e experiências.


Ex bom é ex morto. Caso contrário este não seria EX!
Chegou a hora da fila andar!!!!!!!

Pense no futuro Ex ou pense que desta vez pode dar certo!
__________________________________________________________________________________


Lembrete:

"Vai e volta" com o ex. Como nunca voltei não tenho experiência sobre voltar com o ex (um assunto pendente aí pra trás e que uma das leitoras desse blog está louca por esse post, se alguém se habilitar...).

3 comentários:

  1. Bom, sobre esse assunto de "vai e volta", queria só deixar uma dica, rapidinho, já q não to com mto tempo agora pra discorrer sobre isso. Segundo o q eu já vivi, voltar depois q se termina só dificulta as coisas, e depois q vc abre uma brecha de "voltar atrás", acaba sendo MTO mais difícil terminar em definitivo. Então, se vcs tiverem uma chance de evitar voltar depois de ter terminado, evitem. =)

    ResponderExcluir
  2. Eu acho que depende. Eu consigo ter um relacionamento bacana com meus ex (que não são muitos, tá?). Eu, na verdade, não entendo porque que a gente tem que virar inimigo mortal de alguém que fez seu coração bater mais forte por tanto tempo. A menos que tenha rolado algo muuuuito horrível, mas se a razão do término foi uma 'incompatibilidade de gênios' (desculpa de artista pra terminar casamento), a distância, diferença de ideiais etc, eu não vejo motivo para querer a crucificação do(a) ex.

    ResponderExcluir
  3. Eu concordo com a Débora. Consigo manter relações diplomáticas com minhas ex, embora tenha a reclamar que a amizade nunca volta a ser do mesmo jeito - o que, pra mim, é estranho demais! Eu conheço tanta coisa da pessoa e vice-versa, sei bem como ela pensa e vice-versa... E de repente há uma quebra de confiança e um distanciamento nas conversas pessoais. Isso porque eu nunca terminei "brigado" com nenhuma ex! Vai entender...

    ResponderExcluir

Damas e cavalheiros, por favor sejam educados, ponderados e não cometam nenhum crime em seus comentários.
Os comentários são submetidos a seleção e aprovação, portanto não fique triste se o seu não for exibido.
Agradecemos,
Equipe do DvC

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...